FANDOM


Deus é um poderoso ser primordial que criou o universo e quase tudo o que contém. Sheol, é a única entidade que supera seu poder, alguns seres como Luz e Tehom comparam seus poderes com o dele.

Saga dos Quatro Cavaleiros do Apocalipse Editar

No final da saga, após os mesmos derrotarem os quatro cavaleiros, os anjos levam os sobreviventes ao mundo celestial, então alguns campistas são nomeados novos Deuses por Metatron a mando do próprio Deus.

Saga da Eternidade Editar

Após todo o multiverso ser aniquilado, Metatron pergunta a Deus se o mesmo iria recriar tudo novamente, o mesmo diz que isso era um problema de Morte e Eternidade e que não iria intervir.

Saga da Guerra Celestial Editar

Deus desapareceu, mas antes ele ordena com que Miguel trouxesse Lúcifer novamente para o céu e que ele fosse perdoado, uma guerra celestial se inicia no paraíso, metade dos anjos aprovam tal ideia, e a outra metade desaprova, então Cassiel convoca os campistas para buscarem as sete chaves do paraíso para que possam convocar Deus para que pare a guerra, no final os mesmos obtêm sucesso no objetivo, mas Deus continua desaparecido.

Saga da Luz Editar

Deus aparece no final da saga logo após Lúcifer ser libertado, Deus auxilia os campistas a chegarem até Luz para enfrentar a mesma e logo se inicia um confronto entre os seres supremos, no final da batalha a Luz utiliza um poder desconhecido e mata Deus.

Saga Novos Deuses Editar

Após os campistas derrotarem Lúcifer, os mesmos são sugados por um portal que os leva em uma sala aonde estaria Deus e inúmeros personagens bíblicos, Deus revela que forjou sua morte, ele então conversa com os campistas e auxilia os mesmos a derrotarem as últimas criações de Lúcifer de uma vez.

Saga A Queda do Céu Editar

É revelado que Deus saiu do céu e foi para um local que apenas ele pode acessar, lá ele começou a escrever sua autobiografia, e só pretende retornar ao paraíso após terminar a mesma.

Saga de 2 Anos Editar

Durante essa saga Deus se disfarça assumindo a aparência de uma criança que todos passam a acreditar que esta seria a "Filha de Deus", disfarçado ele se junta a Gabriel o arcanjo que é o novo comandante do paraíso, quando Alucard chega no paraíso para tomar o controle do local o mesmo suga a energia de "Deus" resultando na morte do mesmo, já no vazio alguns campistas resolvem despertar a criança que se revela o próprio Deus dizendo que tudo aquilo foi um plano arquitetado por ele mesmo com a intenção de junta toda a criação para derrotar de uma única vez o Sheol (O vazio), junto com todas criações sendo elas, semi-deuses, deuses, duendes, entidades, anjos e demônios os mesmos derrotam Sheol o aniquilando de uma vez por todas, após o vazio ser destruído Deus recria a existência por completa e participa da festa de comemoração, nela ele faz o convite para Alucard para que ele se junte a ele na aposentadoria eterna e assim ambos desaparecem sem intenções de voltar.

Saga The End Editar

Brendon acaba seguindo as instruções de sua consciência para encontrar uma maneira de conter a fera que esta selada dentro de si, durante o processo o mesmo vai devastando toda a vida no universo e aos poucos perdendo completamente seus sentimentos, em um desfecho histórico Grey com o poder de um arcanjo mata Brendon junto com Bryan e em seguida se mata. Deus ressurge diante os campistas após anos sumido e começa a falar que a história de Bryan e de Grey teriam chego ao fim, dando a impressão a todos campistas ali presentes que ele manipulava suas vidas, os campistas então começam a questionar o motivo de dele nunca fazer nada, Deus, embora claramente irritado, tenta argumentar com eles dizendo que aquilo era uma história e que eles deveriam aceitar o fim, porém os campistas persistiram o questionando inclusive o chegando, Deus simplesmente respondeu dando-lhes um sorriso frio e perdendo o controle de sua raiva e impiedosamente declarou o fim para aquela existência, punindo-os e ao mundo, iniciando o The End, os 7 dias de destruição (Oposto da criação) iniciando o verdadeiro plano do apocalipse, durante os 7 dias o equilibrio daquela existência começa a se romper e o universo vai se destruindo sem para, os campistas tentam desesperadamente parar aquilo enquanto Deus brinca com suas vidas, no final quando tudo estava prestes a ser aniquilado restando apenas três campistas vivos Deus surge diante aos mesmos parando o tempo e pedindo para que eles contem uma piada, mostrando que Deus achava uma verdadeira piada a existência dos semi-deuses, com um estralar de dedos o mesmo recria todos os campistas e impõe estabilidade de volta a existência, diante a Deus, os campistas ficam aliviados de tudo ter voltado ao normal, no entanto Deus diz que era necessário alguém receber sua punição e o escolhido é Brendon que tem sua existência apagada na frente de todos por um Deus frio e impiedoso, deixando apenas uma casca vazia do mesmo, após isso Deus aparentemente abandona aquela existência não se importando mais com ela.

Saga O Reino de Pollaris Editar

Nessa saga, Deus foi o principal antagonista, o mesmo se passou por uma outra pessoa que era denominada de "Senhor D", ele então criou uma nova realidade e nessa realidade criou uma maquina que começou a sugar a energia da existência dos campistas, seu principal plano era desfazer a existência do semi-deuses através de uma justificativa. No final, os campistas desmascaram Deus e os moradores de Pollaris ficam ao lado dos semi-deuses, fazendo com que Deus reconheça a sua derrota diante a eles e os avisando que na próxima afronta será a final e decisivo,

Saga A Grande Guerra Editar

Deus fez apenas uma pequena aparição durante essa saga, o mesmo surgiu na prisão que Grey estava e o levou para o futuro, mostrando um local devastado por guerras e seus amigos todos mortos após terem enfrentado um Bryan que lembrava Lúcifer, no fim o Bryan do futuro assassina Grey do futuro e Deus retorna com Grey do presente para a sua linha temporal, solicitando que ele aceitasse sua sentença para que aquilo não viesse a ocorrer.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.