FANDOM


Uma das poucas filhas mulheres de Thanatos no acampamento meio sangue. Nasceu num ambiente de guerra, destruição e ódio total. Cresceu sem os pais, após ser trazida para um orfanato nos Estados Unidos aonde era maltratada pelas outras criança pelo simples fato de ser diferente delas. Além do orfanato ter a função de abrigar crianças órfãs, o local era um internato peculiar para crianças problemáticas. Ametista chegou lá como uma bebê, mas depois que foi crescendo ficou claro que lá era seu lugar. Cresceu achando estar quebrada e que nunca poderia ser concertada. O que a tornava diferente? O simples fato da sua falta de emoções. Ela via as outras crianças felizes, tristes, bravas, mas ela não conseguia sentir essas coisas. Não importava o que fizesse, não importava o quão extremo, ela era a mesma. Com tudo, uma hora ou outra descobriria a verdade, que era desta forma por ser filha da personificação da morte. Uma das crianças do orfanato revelou-se seu sátiro que morreu enquanto ela vinha para o acampamento. Ametista é fria e calculista querendo um dia alcançar os seus irmãos.

Saga dos Quatro Cavaleiros do Apocalipse Editar

Ametista foi a líder contra o Cavaleiro Tempo. Junto de outros campista foi uma das poucas sobreviventes e com ajuda dos anjos conseguiu derrotar o cavaleiro apocalíptico o selando. Após a queda dos cavaleiros a prole de Tânatos recebeu o título de Deusa.

Saga a Guerra de Todos os Deuses Editar

Num time de apenas mulheres, ela liderou ao lado da filha de Phobos, Rebbeca Hale, um exército de bruxas na batalha contra a tropa de Samhain. No final da batalha, saiu vitoriosa derrotando o demônio do Halloween. Devido a união do time, não houveram baixas.

Torneio de Caos Editar

Lutou ao lado de sua guilda, a LODMA e se tornou uma precursora do tempo ao ver o futuro apocalíptico que Anticristo havia revelado.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.